dezembro 03, 2008

Versão de "O Quebra Nozes" reunirá 200 atores em Botucatu

Os atores e bailarinos pertencem a projetos sociais
e grupos artísticso da cidade de Botucatu

Por Renato Fernandes


Entrará em cartaz, entre os dias 11 e 13 de dezembro, no Teatro Municipal Camillo Fernandez dinucci, o espetáculo de ballet “O Quebra Nozes”, de Tchaikovsky. O elenco é composto por aproximadamente 200 pessoas com idades entre 4 e 80 anos, participantes de grupos de teatro, dança e projetos sociais do município. A apresetntação acontecerá às 20 horas, com entrada franca.

A produção conta com crianças e adultos que integram as atividades da Fundação Casa das Meninas, Piec, Projeto Crescer, Grupo de dança Saia rodada, corpo de baile da Oficina da Dança, grupo de teatro Chafariz e Orquestra Sinfônica de Botucatu.

A maioria dos projetos sociais participantes recebem aulas com professores da Oficina da Dança. A apresentação é viabilizada pela Secretaria de Assistência Social, Secretaria de Cultura e Fundo Social de Solidariedade. “Sem a parceria com o Poder Público seria praticamente impossível desenvolver essa montagem, pela exigência de figurinos e adereços”, explica Flávia Fázzio, uma das principais responsáveis pela montagem.

Para garantir a harmonia entre os grupos participantes é necessário muito ensaio. “Temos nos reunido nos próprios projetos sociais dividindo os ensaios por cenas. Agora estão ocorrendo os ensaios gerais, na segunda feira faremos um ensaio geral com a Orquestra Sinfônica. Responsável por desenvolver a trilha da apresentação”, disse.

Durante a curta temporada, a Orquestra deverá permanecer entre o palco e a platéia. “Este é um presente de Natal que estamos dando para a cidade de Botucatu e também a oportunidade de mostrarmos o progresso que esses alunos apresentaram ao longo do ano, com prazer e diversão”, acrescenta.

Para comandar os trabalhos Flávia conta com a colaboração de Solange Rivas, Flavinho Alves e Ana Rivas. “Esse é um espetáculo de repertório montado sempre aos finais de ano”, disse.