fevereiro 03, 2009

Arcebispo de Botucatu responde bem ao tratamento

Boletim médico emitido às 13h50, de 3 DE FEVEREIRO DE 2009, pela Assessoria de Comunicação e Imprensa da FMB e HC, informa que o arcebispo metropolitano de Botucatu, Dom Aloysio José Leal Penna continua internado na Unidade de Terapia Intensiva (UTI) do Hospital das Clínicas (HC) da Faculdade de Medicina de Botucatu/Unesp (FMB), respirando sem a ajuda de aparelhos. De acordo com a equipe médica que o acompanha, o religioso já interage mais com as pessoas que estão à sua volta, mantém contato com elas e tem respondido bem ao tratamento. No entanto, mesmo assim, ainda não há previsão de quando deverá deixar a UTI. Dom Aloysio chegou a ter uma infecção pulmonar, mas que foi rapidamente controlada.

O arcebispo foi internado dia 10 de janeiro, após ter um mal súbito durante a celebração de uma missa na Catedral Metropolitana e sofrer um trauma crânio-encefálico após a queda. Antes de ser submetido a uma tomografia, o religioso teve uma piora discreta em seu estado de consciência - o que impôs a realização de cirurgia para a retirada do tecido danificado. A intenção foi evitar um aumento da pressão dentro do crânio. O procedimento foi considerado um sucesso.