fevereiro 03, 2009

Governo do Estado de SP lança programação cultural para 2009

O Governo do Estado de São Paulo fez o anúncio da programação cultural para 2009 durante evento realizado no Salão Nobre da Secretaria da Cultura, na manhã desta terça-feira, 3. Estavam presentes o Secretário da Cultura, João Sayad, o coordenador da Unidade de Fomento e Difusão de Produção Cultural, André Sturm, e o vereador e o conselheiro da Associação Paulista dos Amigos da Arte, Floriano Pesaro, além de artistas, produtores culturais e representantes de diversos municípios do Estado.

O Secretário João Sayad divulgou as datas e as novidades da agenda cultural deste ano que inclui festivais de música, literatura, circo, espetáculos teatrais e de dança, além dos editais de incentivo e prêmios de estímulo à cultura. Entre os destaques estão a realização de oito Festivais, do Circuito Cultural Paulista, da Virada Cultural Paulista, e os R$ 70 milhões destinados ao Programa de Ação Cultural (ProAC).

“Hoje é um dia de festa porque anunciamos a programação de 2009 com antecedência. Esta é uma agenda muito interessante, marcada pela preocupação com a difusão, uma vez que leva espetáculos para um número cada vez maior de cidades, reúne artistas e promove a troca de experiências entre eles”, disse Sayad.

O ano começa com a alegria do Festival Paulista de Circo, marcado para ser realizado entre 25 e 29 de março, em Limeira. A cidade será transformada em um grande picadeiro – espaço aberto de 30 mil m² - e promove 38 apresentações e 72 números circenses de trapézio e solos, dentro e fora das lonas.

No mesmo mês, o Circuito Cultural Paulista levará para 50 cidades do Estado uma programação de artistas de alto nível como Ceumar, Badi Assadi, Carlos Careqa, Fortuna, Teatro da Vertigem, Ballet Stagium entre outros.

Além disso, o Programa de Ação Cultural – ProAC – distribuirá R$ 70 milhões – sendo R$ 50 milhões aos produtores paulistas por meio do ProAC- ICMS e R$ 20 milhões pelos editais que serão lançados em março.

Em 2009, a divulgação dos finalistas do Prêmio São Paulo de Literatura (o maior prêmio literário em dinheiro do Brasil – R$ 400 mil) será feita durante o Festival da Mantiqueira, a ser realizado em junho.

Outra novidade é a publicação, pela Secretaria da Cultura, de um Anuário com o balanço das atividades realizadas em 2008 e informações sobre os programadas da SEC, para que todos tenham acesso às políticas de fomento e difusão praticadas pelo Governo do Estado. Todos os eventos descritos no Anuário são gratuitos e funcionam como estímulo aos artistas, garantindo o acesso a uma produção cultural qualificada e a subseqüente formação de público.

Confira o detalhamento de todos os programas e projetos para 2009:

Festival Paulista de Circo

Com o objetivo de difundir a arte circense, o Festival Paulista de Circo, realizado em setembro de 2008, levou o circo tradicional, o circo contemporâneo, o circo- teatro trupes e artistas independentes à cidade de Limeira (a 147 km da Capital). O espaço montado para receber o Festival ocupava 30 mil metros quadrados e atraiu mais de 18,2 mil espectadores. Foram apresentadas atrações como o Globo da Morte, Trapézio Aéreo, malabares, e também recreações com palhaços, além de oficinas e palestras. Este ano o festival ocorre entre os dias 25 e 29 de março.

Festival de Teatro Infantil

Em 2008, na cidade de Vinhedo, foi realizado o 1º Festival de Teatro Infantil, com o objetivo de promover o encontro de artistas de diversas localidades do Estado e criar um espaço de integração entre público e artista, para favorecer o intercâmbio de técnicas e possibilitar às crianças vivências, por meio de espetáculos e oficinas de resgate de brincadeiras e manufatura de brinquedos.

A programação consistia em apresentações de teatro de atores, teatro de sombras, teatro de bonecos, intervenções urbanas entre outras, durante os quatro dias do evento. Várias companhias teatrais consagradas participaram do programa dentre elas Nau de Ícaros e Doutores da Alegria. Foram realizados mais de 35 espetáculos e diversas oficinas, todos gratuitos, para um público de 12 mil pessoas. Em 2009, o Festival será realizado na cidade de Salto (a 100 quilômetros da Capital) e está previsto para o segundo semestre.

Festival da Mantiqueira

No último fim de semana de maio, São Francisco Xavier, distrito de São José dos Campos, recebeu o 1º Festival da Mantiqueira – Diálogos com a Literatura. O encontro reuniu escritores renomados para debater com o público suas obras e sobre literatura em geral. O objetivo foi incentivar o prazer da leitura, possibilitando ao público acesso aos autores e livros.

Escritores como Milton Hatoum, Fernando Morais, Moacyr Scliar, Jorge Caldeira, Nelson Motta, Marçal Aquino, Marcelo Rubens Paiva, Zuenir Ventura, Mário Prata, Marcelino Freire e a diretora de cinema Suzana Amaral participaram desta primeira edição do evento. Também foram realizados encontros temáticos intitulados Diálogos Literatura e TV, Diálogos Literatura e Bossa Nova, Diálogos Literatura e Cinema e Diálogos Literatura e História.

Outro segmento do festival foi a realização de oficinas exclusivas para estudantes, professores e profissionais que trabalham em bibliotecas de acesso público do Estado, coordenadas por Marcelino Freire, Ivana Arruda Leite e Alice Bandini, que foram escolhidos no Concurso Festival da Mantiqueira – Diálogos com a Literatura. Os 90 selecionados (30 em cada categoria) participaram do evento com todas as despesas pagas.

A novidade de 2009 é que durante o Festival, que será realizado em junho, serão divulgados os finalistas do Prêmio São Paulo de Literatura, que premia o Melhor Livro do Ano de Autor Não-Estreante e Autor Estreante do gênero romance, no valor total de R$ 400 mil, R$ 200 mil para cada um.

Semana da Canção Brasileira

Iniciado em 2007, na cidade de São Luiz do Paraitinga, a proposta do festival é aprofundar sua atuação e discussão sobre a educação musical no Brasil, a história da Música Popular e a poesia na canção. Em sua segunda edição realizada em 2008, investiu em três frentes: a formação – com oficinas, cursos e palestras –, a difusão – shows de talentos locais e de artistas de projeção nacional como Zeca Baleiro, Lenine, Tom Zé, Moraes Moreira, Jussara Silveira e Pedro Luiz – e o fomento, por meio de atividades musicais com 12 compositores que apresentaram o conjunto de suas obras em pequenos shows ao longo da Semana. A Semana da Canção Brasileira será realizada, em 2009, no mês de setembro.

Coreto Paulista – II Festival de Bandas

Realizado pela primeira vez em 2008, na cidade de Serra Negra, o evento reúne bandas sinfônicas e tradicionais, conhecidas como bandas de coreto, responsáveis pela formação musical dos instrumentistas locais. Tendo duas atividades principais – a apresentação de bandas de diversas cidades do Estado de São Paulo e a outra destinada a maestros e lideranças de bandas de todo o Estado, em reuniões, mesas redondas, palestras e discussões, o festival pretende chamar a atenção do público para as bandas de coreto, além de oferecer entretenimento de qualidade e levantar questões relativas ao setor. Em 2009, será realizado no mês de maio.

Festival Internacional de Inverno de Campos do Jordão

Anualmente, o Governo do Estado de São Paulo promove o “Festival Internacional de Inverno de Campos do Jordão”. Em quatro semanas de atividades, realizadas durante o mês de julho, ocorrem oficinas e aulas para jovens instrumentistas, ministradas por músicos e professores de renome, além de espetáculos realizados por artistas do Brasil e do exterior. A Secretaria de Estado da Cultura promoverá a edição de 2009 em parceria com a organização social Santa Marcelina Cultura.

Festival Cena Musical Independente

As cidades de Araçatuba, Bauru, Piracicaba e São Sebastião foram palco, entre os meses de setembro e dezembro, do Cena Musical Independente – I Mostra Paulista de Bandas. O Festival que visa difundir e localizar bandas independentes que buscam autonomia criativa e inserção no mercado foi criado em 2008 e reuniu vários artistas e mais de 10 mil espectadores. Foram inscritas 1.305 bandas, realizadas quatro mostras com dez bandas independentes cada, totalizando 40 selecionadas. Cada mostra resultou num CD dos grupos vencedores. Os CDs foram distribuídos gratuitamente para institutos culturais, mídias, bibliotecas e afins.

Circuito Cultural Paulista

O Circuito Cultural Paulista é a ampliação do projeto piloto Curto-Circuito, desenvolvido em 2007, em dez cidades do Estado, com um total de 38 apresentações de 16 artistas durante 54 dias. Em 2008, o programa percorreu mais de 50 cidades, com investimento total de R$ 4,5 milhões, e uma programação regular de espetáculos de teatro, música, dança, circo e exibições de filmes. Foram nove meses de atividades culturais, com mais de 700 espetáculos de 250 artistas.

A proposta do Circuito Cultural Paulista é consolidar uma política de difusão de espetáculos no interior e litoral do Estado, para que as cidades tenham uma programação cultural continuada e de qualidade. Um dos destaques do Circuito, em 2008, foi o estímulo aos artistas dos próprios municípios, que tiveram a oportunidade de integrar a programação e trocar experiências com artistas visitantes. O Circuito também atingiu outro de seus objetivos: a difusão regular da produção artística paulista por todo o Estado. O programa abrangeu cidades estrategicamente selecionadas, cuja localização permitiu que todos os paulistas pudessem desfrutar da programação.

Em 2009 o programa continua levando a 50 cidades as mais variadas formas de expressão artística e já tem confirmados artistas como Badi Assad, Ana Luísa e Luís Felipe Gama, Caracaxá, Carlos Careqa, Ceumar, Edvaldo Santana, Léa Freire, Teco Cardoso e Quinteto, Mutrib, ÒcTrombada, Udi Grudi em Concerto, Fortuna, Circo Vox, Klenquen Cirkus, Cia. de Danças de Diadema, Ballet Stagium, Teatro da Vertigem, Cia. La Mínima, Cia. Dedo de Prosa, entre outros.

Virada Cultural Paulista

A Virada Cultural Paulista é o maior evento cultural do interior de São Paulo, com apresentações de espetáculos de teatro, dança e música, intervenções urbanas, cinema e exposições durante 24 horas ininterruptas. Inspirada na Virada Cultural da capital, criada na gestão de José Serra quando prefeito de São Paulo, a Virada Cultural Paulista é sempre realizada em maio e tem como um dos objetivos estimular o intercâmbio entre os artistas das cidades participantes com os de outras regiões do Estado, além dos de renome nacional.

Em 2008, cerca de 800 mil pessoas compareceram à Virada. Para 2009, a Virada será realizada nos dias 16 e 17 de maio, simultaneamente em 19 cidades, e terá eventos relacionados ao Ano da França no Brasil na definição da programação.

Viagem Literária

Lançado em 2008, o Viagem Literária levou consagrados escritores brasileiros a bibliotecas de 40 cidades paulistas, com o objetivo de incentivar e estimular o hábito pela leitura por meio da interação dos autores com o público, oficina de criação literária e histórias.

Ao longo dos quatro meses do Viagem Literária – agosto a novembro –, as bibliotecas receberam 160 atrações, com programações destinadas a um módulo diferente a cada mês. Em agosto o foco foi o público infantil, em setembro a programação dedicou-se ao bate-papo com escritores consagrados como Mário Prata, Zuenir Ventura, Marcelino Freire, Ignácio de Loyola Brandão entre outros. No mês de outubro, foi a vez dos cronistas falarem sobre a arte de fazer crônicas a partir dos mais variados temas e assuntos do cotidiano. Em novembro, o público foi convidado a participar de oficinas de criação literária, para produzir contos e poemas, aprimorando seu talento e a sua relação com o texto literário. Em 2009, o Viagem será realizado em 40 cidades com programação variada.

Vá ao Cinema

O Vá ao Cinema, realizado pela Secretaria de Estado da Cultura em parceira com a Associação Paulista dos Amigos da Arte (APAA), desde 2007 é um programa que visa à distribuição de ingressos de sessões de filmes brasileiros para alunos da rede pública de ensino. Ao longo de 2008, a iniciativa exibiu 40 títulos em 100 cidades do Estado. Foram distribuídos 2.270.000 ingressos com o retorno, nas bilheterias dos cinemas, de 1,9 milhão durante os oito meses do programa. Para a previsão é que seja realizado entre março e novembro e a novidade é que a Capital do Estado será incluída na programação das cidades.

Editais - Programa de Ação Cultural – ProAC

O Programa de Ação Cultural, instituído pela Lei nº 12.268 de 20/2/06, tem por objetivo apoiar e patrocinar a renovação, o intercâmbio e a divulgação da produção artística do Estado, bem como preservar e difundir o seu patrimônio cultural material e imaterial. Em 2008, o Programa de Ação Cultural lançou 25 editais de apoio a projetos culturais no Estado de São Paulo, totalizando um investimento de R$18 milhões de reais no setor.

Também em 2008, o Programa de Ação Cultural recebeu centenas de projetos para o patrocínio dos contribuintes do ICMS – Imposto Sobre Circulação de Mercadorias e Sobre Prestação de Serviços de Transportes Interestadual e Intermunicipal e de Comunicação. Foram aprovados 252 projetos, e liberados R$ 50 milhões para a captação, em áreas como Dança, Museu, Circo, Eventos Carnavalescos, Rádio e TV e Patrimônio Histórico.

Para 2009 o valor previsto de investimentos é de R$ 20 milhões para 24 editais, lançados a partir de março e mais R$ 50 milhões disponíveis aos produtores paulistas para a captação de recursos, por meio do ProAC- ICMS.

Prêmio Estímulo de Curta Metragem

O Prêmio Estímulo de Curta-Metragem foi criado em 1968 e, em 2008, completou 40 anos de existência. Foi uma ação pioneira que serviu de modelo a outras iniciativas tanto no âmbito estadual, como federal e, ao longo dos anos, tornou-se o principal instrumento de incentivo na formação de novos realizadores do Cinema Paulista. Em 2008 foram selecionados projetos dos gêneros ficção, documentário e animação e inscritos 249 projetos. Desses, 12 receberam prêmio no valor de R$ 80 mil, num total de R$ 960 mil. Não há definição de investimento e datas para a realização em 2009.

Prêmio Estímulo de Fotografia

O Prêmio Estímulo de Fotografia foi realizado pela primeira vez em 2008 com o tema “Diversidade Regional e Cultural Paulista”. Concorreram fotógrafos amadores e profissionais e a premiação foi dividida em duas etapas: na primeira foram selecionadas 60 fotografias para premiação e realização de uma exposição. Para a segunda foram escolhidas as 12 melhores fotografias, das 60 selecionadas na primeira etapa, para nova premiação e publicação. Cada fotografia selecionada na primeira etapa recebeu prêmio no valor de R$ 1 mil. E na segunda etapa, que a ser realizada em 2009, o prêmio será de R$ 2 mil.

Prêmio Estímulo de novos textos de dramaturgia para teatro

Realizado pela primeira vez em 2008, teve 10 projetos selecionados e cada um recebeu R$ 20 mil. O valor total do Prêmio foi de R$ 200 mil e foram inscritos 185 textos.

Programas de Fomento e Incentivo Paulista

Os Programas de Fomento e Incentivo Paulista foram realizados com recursos de incentivos fiscais, de empresas públicas e privadas do Estado de São Paulo, por meio das Leis do Audiovisual e Rouanet. A Secretaria de Estado da Cultura é responsável pela coordenação do processo seletivo dos projetos culturais e posterior envio às empresas investidoras associadas. Em 2009, estão previstos R$ 8 milhões. As inscrições terão início em agosto.

Programa de Fomento ao Cinema Paulista

Oferece apoio à produção e finalização de longas-metragens. O valor de R$ 8,5 milhões é destinado a 15 projetos selecionados.

Programa de Incentivo ao Teatro Paulista

Apóia a produção de 13 espetáculos inéditos de teatro. São destinados R$ 2 milhões no total.

Programa de Incentivo à Dança Paulista

Dá apoio à produção de sete espetáculos inéditos de dança e o valor total é de R$ 1 milhão.

Edital de seleção para Pontos de Cultura do Estado de São Paulo

O Governo do Estado de São Paulo, de acordo com os recursos disponibilizados por meio de convênio firmado com o Ministério da Cultura, apoiará o desenvolvimento das atividades culturais de 300 (trezentos) Pontos de Cultura. Os Pontos deverão funcionar como um instrumento de pulsão e articulação de ações e projetos já existentes nas comunidades do Estado, desenvolvendo ações continuadas em, pelo menos, uma das áreas: Culturas Populares, Grupos Étnico-Culturais, Patrimônio Material, Audiovisual e Radiodifusão, Culturas Digitais, Gestão e Formação Cultural, Pensamento e Memória, Expressões Artísticas, e/ou Ações Transversais. O repasse dos recursos às instituições que tiverem seus projetos selecionados será de até R$ 180 mil, em três anos. O início das inscrições está previsto para o mês de fevereiro e o edital terá por objetivo a concessão de apoio para projetos de instituições da sociedade civil sem fins lucrativos, de caráter cultural ou com histórico de atividades culturais.