abril 08, 2009

Nany People em Botucatu com “Deu no que Deu”

A atriz Nany People assume a cena na comédia stand-up

Por Renato Fernandes

A drag queen Nany People apresenta no Teatro Municipal Camillo Fernandez Dinucci, o espetáculo “Deu no que Deu”, no dia 23 de abril, às 20h30. Os ingressos antecipados custam R$ 25. Na bilheteria, estarão à venda, no dia do espetáculo, a R$ 30.

O Espetáculo, idealizado pela própria Nany People, satiriza situações do cotidiano, e as diferenças e acertos do universo masculino/feminino. A apresentação tem total interação com a plateia, marca registrada da atriz e humorista, que por 80 minutos dá uma aula de como encarar a vida de maneira positiva e altruísta.

O espetáculo segue o gênero de comédia stand-up, que é considerado por muitos o estilo artístico mais difícil de se executar e dominar, por deixar o ator à mercê da audiência, que é colocado como elemento integrante do ato. “Um verdadeiro stand-up comedian tem de saber ajustar rapidamente sua rotina de acordo com o humor e gosto de um público específico”, explica o site www.clube dacomedia.com.br.

Em maio de 2008, a atriz já esteve em Botucatu, apresentando o espetáculo “Nany People Salvou Meu Casamento”. A apresentação foi sucesso de público o que garantiu a presença da artistas.

Nany People é a típica artistas multimídia, assumindo o papel de atriz, humorista, Apresentadora de shows, eventos performáticos, telegramas animados, feiras, convenções e comédia stand up.


Fez curso de Extensão Universitária de interpretação pela Unicamp, além de ter estudado teatro na Escola Macunaíma.

Trabalhou 10 anos no Teatro Paiol (SP) com a Família Goulart/Bruno em diversas funções. Projetou-se no cenário nacional, em 1997, como repórter do programa “Novo Comando da Madrugada” de Goulart de Andrade (Extinta Rede Manchete), foi jurada residente do programa “Guerra é Guerra”, da Rede Mulher.

Em 1998, interpretou com absoluto sucesso um dos mais importantes papéis femininos da obra do dramaturgo alemão Bertold Brecht, a viúva Begbck, na peça “Um Homem é um Homem”, dirigida por Alexandre Stockler (Teatro Faap/SP)

Participou do programa humorístico A Praça é Nossa SBT, por três anos. Informações pelo telefone: (14) 3882-9004.