abril 24, 2009

Tavares quer Orquestra e Coral ensaiando em local apropriado

Na sessão da Câmara Municipal de Botucatu, realizada na quarta-feira (22), foi aprovado o requerimento do vereador Bombeiro Tavares (DEM), que pede ao Poder Executivo, a destinação de um local apropriado e definitivo para os ensaios e reuniões dos integrantes da Orquestra Sinfônica, Corporação Musical (Banda) e Coral Municipal de Botucatu.

Os vereadores também querem informações sobre a possibilidade de se aumentar os valores atualmente pagos aos destacados profissionais, e providências para a reativação do Coral Municipal, concedendo-se também salários aos seus integrantes.

“Os componentes da Orquestra Sinfônica Municipal, da Corporação Musical "Dr. Damião Pinheiro Machado" e do Coral Municipal “Cidade de Botucatu” se apresentam em vários eventos, festivais e festividades em todo o Estado de São Paulo e é inegável o profissionalismo e o comprometimento desses músicos em levar e elevar o nome de nosso Município por todas as cidades onde se apresentam, alegrando e agradando a todo o público que os ouvem tocar e cantar. Muitos dos profissionais residem em municípios da região de Botucatu e, mesmo assim, se deslocam para nossa cidade para os ensaios, a fim de se manterem afinados para suas apresentações. Apesar de todo o esforço e profissionalismo, esses profissionais não receberam, por parte dos Governos passados, a atenção e respeito devidos e merecidos, sendo obrigados a mudarem, por inúmeras vezes, os locais para ensaios e reuniões, mudanças essas para locais sem condições para a realização de tais atividades. Além disso, o baixo valor recebido pelos músicos da Orquestra Sinfônica e Corporação Musical, demonstra o quão amam a profissão escolhida, pois, mesmo não recebendo ou recebendo pouco, e sem um local definido para ensaios, sempre deram continuidade ao bom trabalho, demonstrado nas apresentações e prêmios conquistados. Por tudo isto é que peço que a Prefeitura olhe com mais atenção para a Orquestra e Coral Municipal”, informa.

O Poder Executivo tem o prazo de 15 dias para enviar uma resposta à solicitação do vereador do DEM.