junho 19, 2009

Copel abre licitação para construção do novo Fórum

A presidente da Comissão Permanente de Licitações, Andrea Amaral, anunciou nesta sexta-feira,19, a abertura do processo licitatório para contratação da empresa responsável pela construção do novo prédio do Fórum de Justiça de Botucatu. Os editais estarão à venda na Copel pelo valor de R$150 durante 30 dias. No próximo dia 20 de julho está marcada a visita técnica com os inscritos ao local da construção, localizada nas proximidades da rodovia João Hipólito Martins. De acordo com a presidente da Copel, se tudo ocorrer dentro da normalidade, em 24 de julho será anunciada a empresa contemplada.

A estimativa de gasto para construção do novo prédio é de R$10 milhões, sendo que R$8,6 milhões já foram doados pelo Governo do Estado. O município deve bancar o restante, além das obras de infra-estrutura no local, como terraplanagem, asfalto, energia elétrica, sistemas de água/ esgoto e paisagismo, que devem começar na próxima semana.

O tempo de execução da obra são 375 dias após o início, que está previsto para setembro deste ano.

HISTÓRICO

Projetado por Ramos de Azevedo em 1924 , o prédio do fórum de Botucatu está embargado há quatro anos. Atualmente, as três varas, a promotoria do MP, a vara criminal e o juizado funcionam em prédios diferentes. O novo complexo unificaria todos os órgãos no mesmo local, agilizando e organizando o andamento dos processos.

Da Subsecretaria Municipal de Comunicação e Informação de Botucatu