junho 26, 2009

Exposição Máquina do Tempo segue em sua itinerância

A exposição fotográfica “Máquina do Tempo” segue em sua itinerância e chega ao Centro Cultural de Botucatu (CCB), para o período de um mês. A vernissage acontece na noite de hoje, às 19h30. A entidade cultural fica na Praça XV de Novembro, nº 30.

As ampliações de cartões postais doados pela família do comerciante Arthur Bratke e imagens do fotógrafo Marcelino Dias, já passou pelo saguão do Teatro Municipal Camillo Fernandez Dinucci e Biblioteca do Lageado.

Dias foi convidado pela Secretaria Municipal de Cultura para organizar a exposição, com a missão de contrapor as imagens de ontem com retratos das mesmas localidades na atualidade.

O início do trabalho foi o tratamento dos postais antigos. “São fotos antigas coloridas à mão, que foram ampliadas para o tamanho de 25 por 38 centímetros. São 20 postais do comerciante e 20 fotografias minhas”, explica o fotógrafo.

Bratke foi comerciante e possuía uma papelaria onde hoje funciona o Banco do Brasil, na Praça Comendador Emílio Peduti (Bosque), no início do século 20.

As imagens mostram os corredores comerciais da cidade, suas paisagens e costumes que atravessam épocas, com reproduções de cenários da Amando de Barros, entre outros.