junho 10, 2009

Tatuadoras se reúnem no 1º Tattoogirls

Mallu Santos, primeira tatuadora a
exercer a profissão na cidade de Santos

O mês de julho entrará para a história da tatuagem brasileira. O Tattoogirls vai reunir pela primeira vez no país, entre os dias 17 e 19, no Clube de Regatas Saldanha da Gama, na cidade de Santos (SP), as mulheres que encontraram na arte de pigmentar a pele a sua profissão. A expectativa é que tatuadoras de várias cidades brasileiras marquem presença no evento que estima a visita de 10 mil pessoas.

"A primeira convenção nacional de tatuadoras será um momento importante, já que as mulheres estão se destacando e crescendo tanto em número como em qualidade de trabalho dentro do nosso mercado", afirma Mallu Santos, organizadora do evento e a primeira tatuadora a exercer a profissão na cidade de Santos. Segundo ela, a comemoração já começou. "As meninas tem aderido ao Tattoogirls e curtido bastante este momento".

Representantes de São Paulo, Rio de Janeiro, Goiás, Rio Grande do Sul, Bahia, Paraná, Minas Gerais e Rio Grande do Norte já confirmaram presença e estarão ao lado deles. "Os homens também têm espaço na convenção e estão muito curiosos em participar, até pelas novidades que teremos. Estamos tendo uma boa receptividade", garante a organizadora. Os tatuadores só participam do evento desde que haja uma mulher em seu stand trabalhando.

A data, além de marcar não só a pele daqueles que irão fazer as suas tatuagens, será também em comemoração ao Jubileu de Ouro da chegada do dinamarquês Knud Harald Lykke Gregersen, no Porto de Santos, no dia 20 de julho de 1959. Em sua bagagem, Lucky Tattoo, como ficou conhecido, trouxe uma máquina de tatuar, tornando-se o primeiro tatuador profissional brasileiro e responsável pela disseminação da arte no país.

"O Lucky foi um personagem importante na nossa história trazendo a tatuagem elétrica ao Brasil. Cada um de nós deve a ele um agradecimento", pondera Mallu. "Comemorar os 50 anos de sua chegada nos faz refletir e tentar resgatar um pouco dos valores e da essência de que era a tatuagem algum tempo atrás", continua a tatuadora que teve o privilégio de contemplar de perto uma das obras do mestre. "Meu primeiro contato com a tatuagem foi com meu pai, que fez uma tattoo com o Lucky, em 1959".

Atrações - O 1º Tattoogirls irá reunir as tatuadoras da nova geração e também as pioneiras. Entre as precursoras está a carioca Ana Velho, primeira tatuadora do país a se tornar profissional, em 1977, e Claudia Macá, pioneira em São Paulo, iniciando suas atividades em 1983. Um time de feras também estará no evento como Inácio da Glória, um dos mais antigos tatuadores brasileiros; dois dos melhores tatuadores do país: o carioca Alexandre Dallier e o vicentino Marcelo Mordenti; Toni Marques, escritor do livro O Brasil tatuado e outros mundos; entre outros.

A convenção terá muita interatividade com workshops, palestras, exposição de arte, concurso de tatuagens, duelo de tatuadores, oficina de grafite, palco com bandas e DJ's. Outra atração será especialmente para as mulheres. O Pinup Express fará daquela que desejar parecer com uma autentica pinup. As tatuagens serão feitas no salão principal do clube, no andar superior.

O evento não será referência somente na área da tatuagem, visa também à consciência ambiental e social. No 1º Tattoogirls terá uma oficina para as crianças, ensinando sobre a reciclagem de materiais e como dar uma destinação adequada ao que pode ser reaproveitado de forma ecológica.

Paralelo a exposição existirá um espaço onde diversas ONG's prestarão serviços de informação, a respeito de hepatites, câncer de pele, DST´s (Doenças Sexualmente Transmitidas) e violência contra a mulher.

A Convenção atenderá as normas de biossegurança previstas pela Vigilância Sanitária. As profissionais só poderão trabalhar com equipamentos de proteção individual, agulhas descartáveis, tintas fracionadas e instrumentais esterilizados, por meio dos mais seguros processos conhecidos na atualidade.

Mais informações no www.tattoogirls.com.br. No hotsite, cada artista receberá, além de um perfil com fotos e portfólio, meios de contato para agendamento das tatuagens que serão executadas durante a Convenção.