setembro 01, 2009

Brasil terá lista de sanções contra os Estados Unidos

Da Agência Brasil

O Brasil terá em breve uma lista de sanções contra os Estados Unidos por causa dos subsídios dados aos produtores de algodão norte-americanos. A Organização Mundial do Comércio (OMC) deu ao Brasil o direito de fazer retaliações comerciais reconhecendo que os EUA ultrapassam os limites de protecionismo.

O ministro das Relações Exteriores, Celso Amorim, disse hoje (1º) que o Brasil vai usar esse direito dado pela OMC. “Em breve teremos uma listinha de retaliação. O objetivo da retaliação não é punir. É induzir o país a cumprir a norma, a mudar sua legislação. Se a norma for cumprida, não há razão para retaliar”, afirmou durante coletiva de imprensa do Fórum de Diálogo Índia, Brasil, África do Sul (Ibas).

Pela decisão da OMC, o Brasil tem o direito de fazer sanções no valor de US$ 294,7 milhões por ano, com base nos subsídios dados pelos EUA em 2006. Contudo, o Itamaraty diz que esse valor é maior porque o cálculo deve ser feito com base no ano anterior à decisão. Com isso, o Brasil poderia aplicar sanções de até US$ 800 milhões.

Técnicos do Ministério das Relações Exteriores estão fazendo estudos para determinar o valor exato da sanção e em quais produtos poderá ser aplicada.