setembro 29, 2009

Cinema do interior paulista é resgatado por festival multimídia

Fruto de uma pesquisa realizada junto a cineclubes, acervos particulares e instituições públicas que guardam a memória do cinema caipira, o 3º CONTATO - Festival Multimídia de Rádio, TV, Cinema e Arte Eletrônica da Universidade Federal de São Carlos (UFSCar) realiza a Mostra de Cinema do Interior Paulista, entre 8 e 10 de outubro. A atividade exibirá grandes filmes desconhecidos pelo grande público, que não se encontram no circuito comercial, nem em espaços alternativos de exibição.

Os filmes que fazem parte da programação foram realizados no interior paulista a partir da segunda metade do século XX. Na maioria serão apresentadas produções amadoras de pessoas autodidatas, que se envolveram naturalmente com o cinema ao longo de suas vidas. Por outro lado, compõem a programação coproduções regionais com a Vera Cruz, indústria cinematográfica brasileira da década de 50, que retratam a natureza e os costumes da região.
Filmes desconhecidos do público e que não aparecem no circuito comercial serão exibidos durante o 3º CONTATO, que acontece de 7 a 12 de outubro em São Carlos

A Mostra acontece em Água Vermelha, distrito de São Carlos (a 235 km da capital do Estado), e exibirá, dentre outras obras, os curtas-metragens de Henrique de Oliveira Jr., produzidos em Campinas entre 1952 e 1977; o filme "Santo Antônio e a Vaca", produzido em Araraquara em 1958; e ''Aconteceu naquele dia'', produzido em Brodowsky em 2007. Haverá também debates com os realizadores dos filmes.

O objetivo é aprofundar o pensamento sobre o imaginário cinematográfico do interior de São Paulo. Além disso, o público terá a oportunidade de entrar em contato com filmes que constituem a memória social da região em que o Festival CONTATO está inserido.

Toda a programação da Mostra de Cinema do Interior Paulista pode ser obtida no site www.contato.ufscar.br.