outubro 13, 2009

Calendário do Abono Salarial abre novas datas de pagamento

Brasília, 13/10/2009 - Trabalhadores com direito a receber o PIS/PASEP que nasceram nos meses de de fevereiro e março poderão sacar o beneficio de R$ 465 a partir dos dias 15 e 22 deste mês, respectivamente. Os nascidos em janeiro estão habilidaos ao saque desde o último dia 8. Cerca de dois milhões e meio de pessoas fazem parte deste grupo, cujos pagamentos somam R$ 1,1 bilhão. A data limite é 30 de junho de 2010.

Confira aqui o calendário completo.

Para sacar o benefício, o trabalhador pode utilizar o Cartão Cidadão (com senha cadastrada) ou se dirigir a uma agência da Caixa (PIS) ou banco do Brasil (Pasep) e apresentar um comprovante de inscrição PIS/Pasep e carteira de identidade.
Calendário de outubro contempla trabalhadores nascidos em janeiro, fevereiro e março. Valor do saque é de um salário mínimo

O benefício é concedido a todo trabalhador que tenha trabalhado com carteira assinada ou tenha sido nomeado em cargo público durante pelo menos 30 dias e ter recebido, em média, até dois salários.

Entre os identificados no exercício 2009/2010, 66,5% dos beneficiários já receberam o Abono Salarial, 26,6% por depósito em conta corrente/poupança; 17,4% conforme convênios Caixa PIS-Empresa e FOPAG/Banco do Brasil; e 22,5% em saques de acordo com o calendário.

Saiba mais sobre Abono Salarial.

PIS/PASEP - Estão previstos recursos de R$ 7,6 bilhões do Fundo de Amparo ao Trabalhador (FAT) para o pagamento do benefício a 16,6 milhões de trabalhadores identificados como beneficiários. A Região Sudeste é a que mais concederá abonos. Serão cerca de 7 milhões de beneficiários identificados, seguido do Nordeste (3,5 milhões) e Sul (3 milhões). No Centro-Oeste, 1,2 milhão de pessoas estão entre os beneficiados e no Norte, 802 mil trabalhadores.

Dados parciais mostram que mais de 5,5 milhões de pessoas em todo o pais ainda não sacaram o abono salarial. Destas, mais de 2,7 milhões estão na região Sudeste; 986 mil no Sul; 935,4 mil no Nordeste; 279,8 mil no Norte e 431 mil no Centro-Oeste.

A fim de informar o trabalhador sobre seus direitos quanto ao benefício, o Ministério do Trabalho e Emprego tem intensificando suas ações. Para tanto, tem utilizado, como mecanismo de divulgação, correspondência ao trabalhador identificado, distribuição de folderes e calendário de pagamentos estabelecendo as datas de abertura e encerramento, fixados em todas as agências da Caixa Econômica Federal, casas lotéricas e agências do Banco do Brasil.

Tem direito a receber o abono no valor de um salário minimo (R$ 465) toda pessoa que tenha trabalhado com carteira assinada, ou ter sido nomeado efetivamente em cargo público, durante pelo menos 30 dias e ter recebido, em média, até dois salários. É preciso, ainda, estar cadastrado no PIS/PASEP há, pelo menos, cinco anos.

Assessoria de Imprensa do MTE