fevereiro 25, 2010

Mágico Bianconi participa do "Torneio Sul-Americano de Mágica", na Argentina

Por Renato Fernandes

O mágico botucatuense Robson Roberto Bianconi, embarcou na tarde de 22 de fevereiro, para a Argentina onde participará do “Torneio Sul-Americano de Mágica”, em Buenos Aires.

O evento, acontece entre os dias 25 e 28 de fevereiro, durante um congresso que reúne os principais mágicos e ilusionistas da América do Sul. “Mágicos de mais de 20 países estarão participando e eu serei o único brasileiro na competição. O  campeonato dará acesso a outro evento, de maior peso, que acontecerá na Guatemala em 2011”, diz o mágico.

Bianconi foi selecionado como finalista. Sua aprovação se deu após os organizadores do evento analisarem um vídeo onde ele apresenta  um número. “A seleção foi uma etapa que me deixou muito ansioso, mas consegui ser aprovado. Além desse caráter competitivo o torneio também é relevante para o amadurecimento do trabalho”, coloca.

De acordo com ele, a viagem está sendo custeada graças ao apoio e participação de patrocinadores que incentivam a cultura, entre eles: Diário da Serra, Quitanda Dona Marina, Pirulitos Buffet Infantil, R.R.Reflilar, Only Cartuchos, Arimavel, Home Tec Informatica, Sup. Manzini, Lola Frios, Bar do Roberto, Galvo Calhas e Livraria Papirus.

A próxima meta do mágico é participar do Campeonato Nacional de Mágica, que será realizado em novembro, na cidade de Barueri.
Bianconi é adepto do estilo conhecido como manipulação. Seu talento já é conhecido dos botucatuenses, por sua participação em projetos sociais e animações de eventos. Os números ganharam projeção no “Concurso de Mágicos” promovido pelo apresentador Sílvio Santos, no programa “Topa Tudo por Dinheiro”, que vai ao ar aos domingos, pelo SBT.

Na competição, o botucatuense tem se destacado e já está na semi-final, etapa que será disputada com 10 mágicos, com gravação prevista para março.

Uma das apresentações no programa foi ao ar em dezembro e chamou a atenção dos concorrentes que assistiram a um número de manipulação de extrema dificuldade, a perícia com os objetos utilizados. O quadro tirou elogios do apresentador e deixou para trás, mágicos com sofisticados aparelhos de ilusionismo.