março 12, 2010

Conhecida empresa que construirá Hospital Estadual de Botucatu

Já está definida a empresa que construirá o Hospital Estadual de Botucatu, administrado pela Faculdade de Medicina de Botucatu/Unesp (FMB). A obra, que receberá investimento de R$ 33,8 milhões, será realizada em área anexa ao Hospital Professor Cantídio de Moura Campos. A previsão é que a nova unidade entre em funcionamento a partir de abril de 2011.



O resultado da concorrência pública, que ainda não foi homologado, foi publicado no Diário Oficial do Estado de São Paulo (DOE) dia 9 de março. O projeto inclui também a reforma da área do Serviço de Nutrição e Dietética (SND) e Lavanderia do Hospital Cantídio de Moura Campos.


A vencedora da licitação foi a Engeform Construções e Comércio LTDA. É a mesma empresa que construiu o Hospital Estadual de Bauru (HEB). O superintendente do HC, professor Emílio Carlos Curcelli afirma estar bastante satisfeito, já que a empresa realizou um trabalho de grande qualidade no HEB.

O novo hospital, com capacidade para 80 leitos, deve ser destinado a casos de média complexidade como procedimentos cirúrgicos simples e partos. A expectativa é atender 6 mil pessoas, em média, anualmente. A assistência ao usuário será em sistema de concordância entre o Hospital das Clínicas (HC) e a nova unidade de saúde.

As instalações desta nova estrutura hospitalar deverão suprir uma carência regional no atendimento a casos de média complexidade. Com isto, a expectativa é desafogar o fluxo de atendimentos no HC, que em 2009 realizou mais de 247 mil consultas em ambulatórios e 7.800 cirurgias.

Assessoria de Comunicação e Imprensa da FMB e HC/Unesp