março 22, 2010

Orquestra usa iPhone como instrumento musical

A Stanford Mobile Orchestra (Mopho) utiliza celulares, entre eles o Iphone, como principal instrumento musical. Em suas performances e peças, o grupo tira partido de recursos tecnológicos exclusivos de hardware software, trabalhando e transformando a tela multi-touch screen, acelerômetros, microfones, GPS, redes de dados e computação em poderosos geradores de sons.

A Orquestra foi criada em 2007 na Stanford University e batizada de Morpho. O grupo é formado por membros do corpo docente da universidade e recebe o apoio da Nokia. O primeiro concerto público foi realizado em janeiro de 2008.
Orquestra é conposta poir docentes da Univerdade de Stanford

O som é garantido por meia-dúzia de telefones móveis que resultam em uma música considerada misteriosa. Segundo Wang Ge, criador do Mobile Phone Orquestra de Stanford, a sonoridade representa o renascimento "móvel". Wang também é fundador da Stanford Laptop Orchestra.

"Os telefones móveis estão se tornando tão poderosa que não podemos ignorá-los mais como plataformas para a criatividade", disse Wang em matéria veiculada no site oficial da universidade.

Wang Ge é o criador e responsável pela Orquestra
Para o integrante da orquestra e estudante de doutorado em artes musicais e composição, Michael Berger, o conceito é "pós-moderno, em certo sentido, por usar dispositivos que não foram projetados para a música e deixá-lo com interface musical".

As inovações não ficam apenas no modo como é utilizado o telefone, mas também na criação de dispositivos e softwares, o mais popular transforma o Iphone em uma ocarina, produzindo sons ao ser soprado. "É possível tocar a ocarina enquanto esperamos o leite no supermercado. Podemos tocar enquanto estamos esperando o ônibus e até mesmo em reuniões de familiares".

Mopho é possível graças ao apoio generoso da Stanford University School of Humanities

Com informações do site Stanford University