abril 10, 2010

"AVelha a Fiar", o primeiro videoclipe da história é brasileiro

Na história do videoclipe o filme dos Beatles “A Hard Day's Night” (conhecido no Brasil como "Os Reis do Iê-Iê-Iê"), produzido pela gravadora United Artists (um dos braços da MGM) em 1964, é considerado o primeiro videoclipe da história, entretanto essa afirmação merece uma contestação.


Por definição Videoclipe significa: filme curto com suporte eletrônico (analógico ou digital) Com preponderância quase total dos vídeos musicais e publicitários. Se considerarmos que A “Hard Day´s Night” tem ao todo 88 minutos de duração, a classificação perde o sentido e o conceito do videoclipe deixa de existir.

No mesmo ano (1964), no Brasil, o diretor Humberto Mauro produziu um curta metragem de seis minutos ilustrando a música popular “A Velha a Fiar” (Letra), com trilha sonora do Trio Irakitan. O curta-metragem fez bastante sucesso e se tornou referência e ainda é considerado por muitos críticos como um dos primeiros videoclipes do mundo.

Trata-se de uma ilustração bucólicas da vida rural com: bois pastando, a moagem no pilão, os trabalhos do campo, e os animais que farão parte da história. O clipe não está inserido em nenhum contexto de longa metragem, é rápido, curto e produzido simplesmente para ilustrar a música.

Na época era extremanete difícil encontrar mulheres dispostas a atuar, seja no teatro ou cinema, por essa razão Mauro, colocou seu amigo Mateus Colaço para interpretar a velha.

Para considerarmos o filme "A Hard Day's Night" como primeiro videoclipe, teremos então que levar em conta produções cinematográficas anteriores, como "Cantando na Chuva" (Singin'in the Rain), de 1951 com Gene Kelly e Jean Hagen e também "Jailhouse Rock", terceiro filme de Elvis Presley, lançado em 1957 e que se tornou um clássico na carreira do músico.



Videoclipes que marcaram época e inovaram a história musical

1970 – Black Sabbath - Iron Man
O clipe "Iron Man" banda de heavy metal Black Sabbath foi um dos primeiros a utilizar a técnica de cromaqui em sua produção


"Bohemian Rhapsody" - Queen (1975)
O clipe reúne numa só canção três estilos de composição: ópera, música clássica e heavy metal. Custou apenas US$3.500 e foi gravado em apenas 3 horas


"Ashes to Ashes" - David Bowie (1980)
Ficção científica, onde David Bowie se veste como Pierrô, e passeia na praia e em uma cela de hospício acolchoada.


"Whip It" - Devo (1980)
A banda tocava no em uma fazenda, até o nonsense toma conta. Destaque para as cenas com chicotes usados para rasgar a roupa de donzelas


"Thriller" - Michael Jackson (1983)
A superprodução nos videoclipes começa nesse trabalho. O diretor é John Landis, maquiador premiado com um Oscar (Rick Baker) e a narração de Vincent Price.


USA for Africa - We Are the World (1985 )
We Are the World foi gravado em Janeiro de 1985 por 45 dos maiores nomes da música , para arrecadar fundos e ajudar no combate da fome na África. Os 45 astros formaram o grupo O single, o LP e o clipe renderam cerca de 55 milhões de dólares.


"Sledgehammer" - Peter Gabriel (1986)
Clipe que utiliza técnicas de animação para mostrar, trens circulando ao redor da cabeça do cantor.


"Freedom’90" - George Michael (1990)
George Michael reuniu as mulheres mais lindas e poderosas das passarelas: Cindy Crawford, Linda Evangelista, Naomi Campbell e Christy Turlington para participar do trabalho.


"Justify My Love" - Madonna (1990)
Madonna abusou do erotismo usando espartilho, cinta-liga, calcinha de renda preta e outros acessórios picantes, além de dividir a cena com figurantes que exalavam luxúria.



"Smells Like Teen Spirit" - Nirvana (1991)
O primeiro sucesso mundial da banda “Nirvana”, onde Kurt Cobain canta diante de uma platéia comportada, que aos poucos passa a dançar com entusiasmo. A bagunça é genuína e não estava prevista, foi filmada após o diretor perder o controle dos ânimos.


Beastie Boys – Sabotage (1994)
Vídeo que marca o retorno dos Beastie Boys ao topo das paradas americanas conquistando o 2º lugar na parada de álbuns de R&B/ hip hop. O clipe foi dirigido por Spike Jonze e chegou ao Top 10 da parada dance da Billboard.


T.a.t.u - All the things she said (1999)
A dupla Tatu foi formada no início de 1999, pelo diretor e escritor Ivan Shapovalov, com produção de Elena Kiper. No qual clipe as cantoras Elena Katina e Yulia Volkova aparecem trocando carícias e beijos, também despertou a curiosidade do público.


Ok Go - "Here It Goes Again" (2006)
A banda norte-americana OK Go ficou famosa exclusivamente com os vídeos clipes . O primeiro, Here It Goes Again", mostra os membros da banda cantando enquanto dançam sobre esteiras elétricas.



Radiohead - All I Need (2008)
A banda Radiohead e o movimento da MTV Exit lançou o clipe “All I Need”, o trabalho virou a trilha sonora que acompanha a rotina de dois garotos, um no ocidente e outro no oriente, apresentando um destino que se cruza de forma cruel.


Lady Gaga – Telephone (2010)
OI vídeo clipe de “Telephone”, de Lady Gaga foi proibido de passar na televisão. Ele apresenta Lady Gaga em cenas insólitas e incomum com prisioneiras trajando couro. A direção é do escocês Jonas Akerlund.

Com informações do site da revista Mundo Estranho