dezembro 19, 2010

Os cuidados que vêm com a idade dos animais

A partir dos sete anos de idade os cães chegam na fase madura, e passam a apresentar algumas mudanças comportamentais, como lentidão, sonolência, redução da audição, visão e olfato; além da redução ou ampliação do peso, alterações no apetite, e dificuldade de locomoção.

“Quando o proprietário sentir essas mudanças é necessário adequar o ambiente, tomando cuidado com escadas e piso liso. Além disso, também recomendamos acompanhamento veterinário e alterações na alimentação”, explica a médica veterinária especialista em reprodução canina, Viviane Chirinéa.


É nessa fase que surgem algumas doenças como a artrite e artrose; problemas cardíacos, dermatológicos, desequilíbrios hormonais, tumores e cistos.

“Tem que ficar atento e passar a olhar o animal de estimação com olhos mais cuidadosos. Com atenção especial e afeto, ele poderá desfrutar mais qualidade de vida na velhice”, comenta a veterinária.

Como reconhecer a idade nos animais

É comum a adoção de animais, entretanto existe certa dificuldade no reconhecimento da idade. Nesses casos a veterinária orienta observar a existência de pêlos brancos na região do focinho e outras áreas do corpo. “Outra forma bastante eficaz de avaliar a idade é através da dentição. É necessário observar o desgaste dos dentes”, informa Viviane. Após a aplicação desses métodos, a recomendação é encaminhar o futuro animal de estimação a um veterinário para exames de rotina.



Jovem
6 meses____________l0  anos
l2 meses____________l5 anos
l6 meses____________l8 anos
2 anos_____________24 anos

Adulto
3 anos_____________28 anos
5 anos_____________36 anos
6 anos_____________40 anos
8 anos_____________48 anos

Idoso
l0 anos____________56 anos
l5 anos____________76 anos
l8 anos____________88 anos
20 anos___________l00 anos

Alimentação precisa ser diferenciada
Para garantir a saúde do cão idoso é preciso atenção especial à alimentação, reforçando com antioxidantes, vitamina ‘E’, selênio, entre outras vitaminas e proteínas. “O recomendado é procurar por rações com a classificação adequada, que tragam na embalagem as denominações ‘cão maduro’ ou ‘senior’”, explica a veterinária Viviane Chirinéa.  Um mito que precisa ser desfeito é com relação a gordura. “Nessa fase da vida, os animais precisam de gordura na sua dieta”, afirma a veterinária.