janeiro 29, 2013

Estado intensifica fiscalização em casas noturnas


O governador Geraldo Alckmin anunciou nesta terça, 29, o início da operação Prevenção Máxima, que consiste na vistoria de todas as casas noturnas do Estado de São Paulo. "Todas as casas noturnas com mais de mil metros quadrados serão vistoriadas, e depois todas as demais", afirmou.

A medida é uma ação preventiva a casos como o de Santa Maria, no Rio Grande do Sul, em que mais de 230 pessoas morreram e pelo menos 120 ficaram feridas após incêndio numa casa noturna na madrugada de domingo, 27. A operação Prevenção Máxima vai envolver 300 equipes de bombeiros.


Alckmin lembrou que o Estado de São Paulo é rigoroso. "Temos a melhor legislação do país, a mais avançada e um grande rigor. Nos Bombeiros da capital, de cada dez pedidos de abertura de casa noturna, sete são negados na primeira inspeção", disse Alckmin. Ainda assim, o governador não descarta a possibilidade de revisão da lei caso haja necessidade.
Por meio da operação Prevenção Máxima, Corpo de Bombeiros vai vistoriar todas as boates do Estado
Treinamento -  O governador visitou o Centro de Operações dos Bombeiros, na capital, e participou de uma aula do curso de prevenção de acidentes e catástrofes, que integra o pacote de medidas a serem tomadas visando a preparação para a Copa do Mundo de 2014. O curso é voltado ao socorro de vítimas de desastres ou acidentes, realizado em parceria do Corpo de Bombeiros com a Secretaria da Saúde.


A preocupação dos organizadores é preparar os profissionais de saúde para atender os turistas que visitarão o Estado por conta do evento esportivo. Serão 45 horas de treinamento, divididas em cinco dias. Segundo Alckmin, "o treinamento na questão de socorros, tragédias e atendimento é para a melhoria na gestão e formação de profissionais".